Muito Além do Jardim


Acabei de rever Muito Além do Jardim com direção de Hal Ashby. Um desempenho brilhante de Peter Sellers e Shirley MacLaine.
O título original é Being There e o filme é de 1979.
Chance é um jardineiro que se vê obrigado a sair da casa em que residiu toda sua vida. Nos contratempos dessa incursão em um mundo novo ele encontra uma milionária e seu marido muito doente.
O que gostaria de destacar é que se trata de um filme genial sobre a comunicação.
Quem quiser exercitar a análise do filme com as categorias do interacionismo simbólico, da pragmática, da economia das trocas simbólicas e da teoria das mediações encontrará um campo fértil.
Agora, o que é fantástico é tentar analisar o filme a partir das análises dos enunciados e dos gêneros do discurso desenvolvidas por Bakhtin. O filme é uma verdadeira aula sobre isso. O pouco que conheço de Bakhtin a esse respeito está em Estética da Criação Verbal.

Anúncios

Um comentário sobre “Muito Além do Jardim

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s